sábado, 5 de novembro de 2011

Tapa na funilaria

Sabadão, crianças comigo, pequeno dormindo e a maior na escola apresentando a feira cultural (mais tarde irei para lá) e minha mente não descansa. Cabeça d mulher é realmente um troço esquisito, penso em td ao msm tempo: contas, serviço, filhos, ex, casa, grana, viagem... Td sem pausa.... E agora tem mais um troço nessa cabeça maluca: velhice....

Beirando os 35a, 2 filhos, nenhum maridoamantenamorado, fui na perfumaria desesperada... Trouxe um anti-sinais, clareador, base, tônico, máscara, tinta para o cabelo, descolorante para os pelos... Confesso q nem sei usar td isso direito, nunca passei uma base no rosto, sempre fui meio desencanada com essas coisas e agora preciso ler a bula desse monte d produtos para não passar no lugar errado.....Nem queiram saber qto gastei.... Mas gastei td como se fosse reverter a ação do tempo e me dar uma carinha mais jovem, mais competitiva... Pq o mercado d solteiros tá osso, as menininhas d 17a, 19a fazem coisas q eu, já bem rodada por sinal, não faço.... E isso foi constatado qdo um amigo beeem mais jovem com a gatinha qse menor d idade representaram uma cena tensa dentro do carro sem insulfilme...rs... E eu q sempre me achei modernosa, descoladérrima, me senti retrógrada, quadrada... Tô por fora meeeesmo.... Aí veio a crise: se a performance sexual não ajuda, a barriguinha não é mais a mesma, a disponibilidade então, fodeu, tenho q arrumar a carinha... Depois na hora d tirar a roupa a gente apaga a luz e torce para td dar certo....

1 comentários:

Renata disse...

Adoro seus posts, me vejo em vc! rsrs

Bora mudar o visual, depois posta aqui como ficou! :)

bjs!!!!